Buscar
  • vitormaleite

O caderno de CPFs

Atualizado: 28 de mar.


Photo by Jan Kahánek on Unsplash


Ontem, 05/02/2022, fui ao Centro Cultural de São Paulo para entregar alguns quadrinhos que havia pegado da Gibiteca. Ao chegar lá, para quem desejasse ir a biblioteca ou Gibiteca, precisava apresentar a identidade para que eles anotassem o CPF, o informado foi "estamos sem sistema e precisamos manter o controle de quem está entrando". Apenas encarei a menina que estava nos atendendo e balancei a cabeça negativamente...


Eu entendo perfeitamente que é preciso controlar quem está entrando, mas, confesso que fiquei bem desconfortável de ser mais um naquele caderno de CPFs, mas, eu precisava entregar o quadrinho que estava em atraso. Afinal, vai saber quem pode ou tem acesso a esse bendito caderno, como os dados ali contidos serão descartados...acho que ninguém se preocupou muito com isso, a LGPD aqui passou longe e por isso os questionei por e-mail depois...


Considerando que nenhum cuidado foi tomado, quais são os riscos que todos nós que tivemos nossos nomes e CPF anotados ali corremos, se os dados caírem nas mãos de pessoas com más intenções? É certeza que nós seremos vítimas do Roubo de Identidade. Pois, essas pessoas mal-intencionadas ou fraudadores, podem se passando por nós, obter vantagem de forma ilícita, seja fazendo compras de produtos e serviços, solicitando cartões, aplicando outros golpes...


Eu espero que nada disso aconteça e que o Centro Cultural busque tomar as devidas providências, mas, a verdade é que esse descuido com o tratamento com nossos dados pessoais ainda é muito comum mesmo após a entrada LGPD. Cabe a nós ficarmos vigilantes e exercermos nossos direitos de titulares a ANPD , como farei, quando nos depararmos com algo assim.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo